Lei quer criminalizar jogos “ofensivos”

11/07/2011

Segundo o Agência Senado, está tramitando no Senado uma lei que criminaliza a fabricação, importação, distribuição, comercialização e armazenamento de jogos violentos, segundo a Emenda são os jogos que ofendem os costumes, tradições dos povos, cultos, credos, religiões e símbolos.

O responsável pelo projeto de lei é o senador Valdir Raupp. Segundo ele a lei segue a mesma linha do art. 20 que criminaliza a fabricação e a comercialização de propaganda para fins de divulgação no nazismo, ele ainda defende que games ofensivos “veiculam ideia e mensagens preconceituosas”.

O projeto passou pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado no final de 2009. Foi feita uma pesquisa na qual “videogames mudam as funções cerebrais e insensibilizam os jovens diante da vida”. O parecer lembrou que existe a classificação indicativa do Ministério da Justiça. A comissão opinou pela aprovação do projeto.

O projeto não cita exemplos de jogos que são classificados como “ofensivos”. Mas durante uma entrevista ele confirmou que o game Counter-Strike pode ser considerado um jogo violento.

É mais uma lei totalitária proposta pelos nossos deputados, já não bastassem a Lei do Azeredo e a outra lei que quer acabar com os blogs, os nossos deputados se preoculpam mais com o mundo virtual do que com o real.

Créditos – Olhar Digital
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s